Contexto

No Brasil, o combate às mudanças climáticas é tema de uma política ambiciosa e dinâmica. A Política Nacional sobre Mudança do Clima estabelece a meta de redução das emissões de gases de efeito estufa do Brasil entre 36,1% e 38,9% até 2020, em comparação com o cenário de referência. Minas Gerais já possui várias iniciativas nesse sentido. No entanto, o Estado pretende aprofundar seus conhecimentos e articular com coerência, por meio do Plano de Energia e Mudanças Climáticas (PEMC), as diferentes ações e estudos já desenvolvidos, dentro de uma estratégia territorial integrada.

As primeiras etapas do PEMC, desenvolvidas entre agosto de 2013 e março de 2014, envolveram um grande esforço de levantamento de dados para composição do diagnóstico e elaboração de cenários possíveis para o consumo e produção de energia e emissões estaduais de gases de efeito estufa para 2020 e 2030.

O processo participativo do PEMC permitiu discutir o diagnóstico e os cenários projetados com as secretarias e instituições de governo, governos municipais e os demais atores do território a fim de captar as oportunidades de sinergia com as políticas públicas e ações em desenvolvimento e planejadas para se construir um cenário de baixo carbono para Minas Gerais. O processo participativo propiciou ainda conhecer as diferentes perspectivas e expectativas de diferentes partes interessadas do território mineiro.

       

                                                                           

 

©2013-16 Cidade Administrativa – GEMUC/FEAMRodovia 

João Paulo II, 4143, Bairro Serra Verde

Prédio Minas – 1 º andar

CEP: 31630-900 - Belo Horizonte/MG - Brasil - Todos os direitos de Concepção e Produção são reservados. agência Answeb