G20: Incentivos a combustíveis fósseis continuam muito altos

O governo brasileiro gastou US$ 25,5 bilhões subsidiando combustíveis fósseis somente em 2014. Os valores constam de relatório divulgado nesta semana pela Germanwatch, instituição de reconhecimento internacional que monitora as políticas nacionais de mitigação das mudanças climáticas. O levantamento concluiu que os investimentos em combustíveis fósseis continuam muito altos e na contramão dos esforços necessários para o atingimento das metas do Acordo de Paris. Apesar de figurar entre os países que ainda subsidiam fortemente as fontes fósseis de energia, O Brasil ganhou ainda destaque positivo no relatório pelo percentual de energias renováveis de sua matriz energética (38%), sendo o maior valor comparativo do G20. Saiba mais em: http://www.observatoriodoclima.eco.br/brasil-gasta-15-bolsa-familia-incentivando-combustiveis-fosseis/

       

                                                                           

 

©2013-16 Cidade Administrativa – GEMUC/FEAMRodovia 

João Paulo II, 4143, Bairro Serra Verde

Prédio Minas – 1 º andar

CEP: 31630-900 - Belo Horizonte/MG - Brasil - Todos os direitos de Concepção e Produção são reservados. agência Answeb